Home / Destaque / Sanções não serão suspensas até que Rússia assine acordo de paz, diz chanceler alemão

Sanções não serão suspensas até que Rússia assine acordo de paz, diz chanceler alemão

As sanções impostas à Rússia como resultado de sua invasão da Ucrânia não serão suspensas até que Moscou chegue a um acordo de paz com Kiev, afirmou o chanceler da Alemanha, Olaf Scholz, acrescentando que cabe à Ucrânia decidir qual paz ela quer.

Entrevistado no canal público de televisão ZDF, Scholz disse que Putin errou seus cálculos ao acreditar que poderia ganhar territórios da Ucrânia, declarar o fim das hostilidades e ver os países do Ocidente abandonarem as sanções.

“Ele não pensou essa operação inteira da Ucrânia direito”, disse Scholz. “Ele não pensou que a Ucrânia iria resistir desse jeito. Ele não achou que iríamos apoiá-los a resistir por tanto tempo. Não vamos retirar as sanções até que ele chegue a um acordo com a Ucrânia, e ele não vai conseguir com uma paz imposta.”

Scholz acrescentou que não tem planos de visitar Kiev após uma viagem planejada pelo presidente da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier, ter sido cancelada por conta de objeções do governo ucraniano.

A União Europeia está preparando um sexto pacote de sanções contra a Rússia como resposta à invasão há pouco mais de dois meses da Ucrânia. O bloco econômico está está inclinado a proibir as importações de petróleo russo até o fim do ano.

Fonte: R7

Veja Também

SP: polícia busca suspeito de assassinar estudante da Unicamp

O corpo da vítima foi encontrado em uma ribanceira com pedras. Mayara tinha ferimentos de faca no braço, mão, tórax e cabeça

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.